Formula 1: Vettel vence GP Belgica

Adver­tise­ments
RSS
GOOGLE
https://jlpress.com/artigo/vettel-vence-gp-belgica-25565/
YouTube
INSTAGRAM
SOCIALICON

Sebas­t­ian Vet­tel vence o GP da Bel­gi­ca, mar­can­do em grande esti­lo o retorno de uma pausa de verão da F1. A Rac­ing Point Force India foi, no entan­to, a grande pro­tag­o­nista deste GP Bel­gi­ca de F1.

Treinos: Chuva favorece Hamilton.

GP Belgica: Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W09 at Formula One World Championship, Rd13, Belgian Grand Prix, Race, Spa Francorchamps, Belgium, Sunday 26 August 2018. © Manuel Goria/Sutton Images
GP Bel­gi­ca: Lewis Hamil­ton, Mer­cedes AMG F1 W09 at For­mu­la One World Cham­pi­onship, Rd13, Bel­gian Grand Prix, Race, Spa Fran­cor­champs, Bel­gium, Sun­day 26 August 2018. © Manuel Goria/Sutton Images

A Fer­rari regres­sou em grande esti­lo dom­i­nan­do as difer­entes sessões de treinos. Na qual­i­fi­cação, Raikko­nen foi o mais rápi­do na Q1 e Q2, mas com a chega­da da chu­va durante a Q3 a mes­tria de Hamil­ton em piso mol­ha­do per­mi­tiu-lhe arrebatar a pole, rel­e­gan­do Vet­tel para a segun­da posição.

As sur­pre­sas não ficaram por aqui. Logo na Q1 os dois Mclaren e o Renault de Car­los Sainz ficam na box após não terem con­segui­do clas­si­ficar-se entre os 15 mais rápi­dos para garan­ti­rem a pas­sagem à Q2. Na Q2, e exac­ta­mente pelas razões inver­sas da McLaren e Renault, os dois Rac­ing Point Force India de Ocon e Perez pas­sam à Q3. Com a Q3 veio a chu­va e todos tiver­am que optar por pneus inter­mé­dios. Bot­tas terá sido a prin­ci­pal viti­ma ao faz­er um peão no final da rec­ta Kem­mel e com­pro­m­e­tendo a sua vol­ta ráp­i­da. Ocon sai em Eau Rouge con­segue evi­tar os rails e faz a ter­ceira mel­hor mar­ca na frente do seu cole­ga de equipa. Os dois Rac­ing Point Force India ocu­pam a segun­da lin­ha da grel­ha, um feito históri­co e de cru­cial importân­cia após as difi­cul­dades pas­sadas nas últi­ma sem­anas. Gros­jean clas­si­fi­cou-se em 5º e Kimi Raikko­nen em 6º. Seguiran-se os dois Red Bull de Ver­stap­pen e Ric­cia­r­do o Haas de Mag­nussen e Mer­cedes de Bot­tas.

Bot­tas, Hulken­berg, Sainz e Van­doorne, são obri­ga­dos a tro­car de motor, receben­do uma penal­iza­ção por isso e sendo recam­bi­a­dos para o final da grel­ha de par­ti­da. Nes­tas cir­cun­stân­cias a ordem é esta­b­ele­ci­da pela ordem em que recebem a penal­iza­ção, sendo que o últi­mo a ser penal­iza­do ocu­pa o últi­mo lugar na grel­ha.

Hulkenberg não trava. O caos toma conta da partida.

GP Belgica: Fernando Alonso, McLaren MCL33 crashes at the start of the race at Formula One World Championship, Rd13, Belgian Grand Prix, Race, Spa Francorchamps, Belgium, Sunday 26 August 2018. © Steven Tee/LAT/Sutton Images
GP Bel­gi­ca: Fer­nan­do Alon­so, McLaren MCL33 crash­es at the start of the race at For­mu­la One World Cham­pi­onship, Rd13, Bel­gian Grand Prix, Race, Spa Fran­cor­champs, Bel­gium, Sun­day 26 August 2018. © Steven Tee/LAT/Sutton Images

A par­ti­da até nem cor­reu mal… na frente as coisas cor­reram nor­mal­mente com os 4 primeiros a man­ter as posições, mas cá para trás, Niko Hulken­berg, no Renault, não con­segue travar na entra­da de La Source, embat­en­do com vio­lên­cia no McLaren de Alon­so e ati­ran­do-o por cima do Sauber Alva Romeu de Leclerc. Se para alguns ain­da restavam dúvi­das acer­ca da fun­cional­i­dade do halo, elas terão fica­do esclare­ci­das com o pilo­to do Sauber Alfa Romeo a ser sal­vo pela nova estru­tu­ra colo­ca­da sobre o cock­pit. As mar­cas e o video foram esclare­ce­dores. O McLaren caiu em cima da estru­tu­ra do Sauber e desli­zou sobre ela até se imo­bi­lizar na escap­atória. Não fos­se esta nova estru­tu­ra de pro­tecção do pilo­to e pode­ri­amos estar todos a lamen­tar um trági­co GP Bel­gi­ca.

GP Belgica: Fernando Alonso, McLaren MCL33 gets airbourne at the start of the race at Formula One World Championship, Rd13, Belgian Grand Prix, Race, Spa Francorchamps, Belgium, Sunday 26 August 2018. © Glenn Dunbar/LAT/Sutton Images
GP Bel­gi­ca: Fer­nan­do Alon­so, McLaren MCL33 gets air­bourne at the start of the race at For­mu­la One World Cham­pi­onship, Rd13, Bel­gian Grand Prix, Race, Spa Fran­cor­champs, Bel­gium, Sun­day 26 August 2018. © Glenn Dunbar/LAT/Sutton Images

Ric­cia­r­do por sua vez, vẽ-se obri­ga­do a esqui­var-se de um adver­sário e bate com a asa dianteira na tra­seira de Kimi Raikko­nen. Ambos vêm à box, Raikko­nen para tro­car o pneu fura­do e Riac­cia­r­do para sub­sti­tuir ambas as asas, trazeira e dianteira. Acabariam ambos por desi­s­tir um pouco mais tarde, por avaria mecâni­ca.

Na frente e mes­mo antes de ser anun­ci­a­da a entra­da do safe­ty car e neu­tral­iza­da a cor­ri­da, Vet­tel pas­sa Hamil­ton na trav­agem para Les Combes. Ocon ten­ta tam­bém uma manobra arro­ja­da, chega a estar a par de Vet­tel, mas aca­ba por ter de ced­er e perde duas posições para Hamil­ton e Perez.

  GP Belgica: (L to R): Esteban Ocon, Racing Point Force India VJM11, Sebastian Vettel, Ferrari SF71H, Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W09 and Sergio Perez, Racing Point Force India VJM11 on lap 1 at Formula One World Championship, Rd13, Belgian Grand Prix, Race, Spa Francorchamps, Belgium, Sunday 26 August 2018. © Manuel Goria/Sutton Images
GP Bel­gi­ca: (L to R): Este­ban Ocon, Rac­ing Point Force India VJM11, Sebas­t­ian Vet­tel, Fer­rari SF71H, Lewis Hamil­ton, Mer­cedes AMG F1 W09 and Ser­gio Perez, Rac­ing Point Force India VJM11 on lap 1 at For­mu­la One World Cham­pi­onship, Rd13, Bel­gian Grand Prix, Race, Spa Fran­cor­champs, Bel­gium, Sun­day 26 August 2018. © Manuel Goria/Sutton Images

Reinício da prova: Vettel na frente do GP Belgica

O Reiní­cio da pro­va decorre sem inci­dentes e sem tro­ca de posições. Sebas­t­ian Vet­tel segu­ra o primeiro lugar, segui­do por Hamil­ton e pelos dois Rac­ing Point Force India. Os car­ros Cor de Rosa aguen­taram o que pud­er­am, mas nada podi­am faz­er con­tra o Red Bull de Ver­stap­pen e, mais tarde con­tra o Mer­cedes de Bot­tas. Tiran­do estas duas nat­u­rais excepções, eles foram sem­pre os primeiros do restante pelotão.

Ver­stap­pen ain­da pas­sou pela segun­da posição da cor­ri­da, aquan­do da par­agem de Hamil­ton nas box­es, mas rap­i­da­mente o bri­tan­i­co repôs a ordem nat­ur­al das coisas ao ultra­pas­sar o bel­ga. As três primeiras posições man­tiver­an-se até ao final.

Vin­do da penúl­ti­ma lin­ha da grelha,Valtteri Bot­tas cav­al­ga­va posições como se não hou­vesse aman­hã. O fin­landês da Mer­cedes nem teve que se esforçar muito, pois os adver­sários nem ofer­e­ci­am resistên­cia. assim que se aprox­i­ma­va a menos de um segun­do, aciona­va o DRS e pas­sa­va no final da rec­ta Kem­mel, na trav­agem para Les Combes. Foi assim com Eric­son, Gasly, Maqgnussen, Gros­jean, Ocon e Perez. Saiam da frente que estou cheio de pres­sa… e eles encostaram à dire­i­ta para deixarem pas­sar a flecha pratea­da número 77.

GP Belgica: Race winner Sebastian Vettel, Ferrari SF71H takes the chequered flag at Formula One World Championship, Rd13, Belgian Grand Prix, Race, Spa Francorchamps, Belgium, Sunday 26 August 2018. © Andy Hone/LAT/Sutton Images
GP Bel­gi­ca: Race win­ner Sebas­t­ian Vet­tel, Fer­rari SF71H takes the che­quered flag at For­mu­la One World Cham­pi­onship, Rd13, Bel­gian Grand Prix, Race, Spa Fran­cor­champs, Bel­gium, Sun­day 26 August 2018. © Andy Hone/LAT/Sutton Images

Racing Point Force India

GP Belgica: Sergio Perez, Racing Point Force India VJM11 at Formula One World Championship, Rd13, Belgian Grand Prix, Practice, Spa Francorchamps, Belgium, Friday 24 August 2018. © Manuel Goria/Sutton Images
GP Bel­gi­ca: Ser­gio Perez, Rac­ing Point Force India VJM11 at For­mu­la One World Cham­pi­onship, Rd13, Bel­gian Grand Prix, Prac­tice, Spa Fran­cor­champs, Bel­gium, Fri­day 24 August 2018. © Manuel Goria/Sutton Images

A Sahara Force India viveu dias de grande incerteza nas últi­mas sem­anas. Encon­tran­do-se em situ­ação de insolvên­cia a equipa enfrenta­va um final difi­cil e pouco dese­ja­do por todos.

No ini­cio da sem­ana que ante­cede o GP Bel­gi­ca, um con­sór­cio de investi­dores lid­er­a­do por Lawrence Stroll, pai de Lance Stroll, sal­va a equipa adquirindo toda a estru­tu­ra epa­gan­do aos cre­dores. Des­ta for­ma, a Rac­ing Point UK, devolve a solvên­cia à equipa e garante os pos­tos de tra­bal­ho exis­tentes.

Todos respon­der­am de for­ma bril­hante a esta ini­cia­ti­va. Os engen­heiros e mecani­cos ao prepararem dois car­ros fan­tás­ti­cos para os seus pilo­tos, estes ao levarem as suas máquinas a lugares que até hoje não seri­am expec­taveis. Nomeada­mente na qual­i­fi­cação, ao colo­carem os dois car­ros na segun­da lin­ha da grel­ha por méri­to próprio.

Na cor­ri­da, ficaran-se pelos 5º e 6º lugares, sendo impos­sív­el faz­er mel­hor con­tra os Fer­rari Mer­cedes e Red Bull, mas foram os mel­hores dpo segun­do pelotão.

A equipa, emb­o­ra ape­nas ten­ha muda­do a sua des­ig­nação, é con­sid­er­a­da pela FIA como uma nova entra­da. Sendo assim perde dire­ito aos pon­tos ameal­ha­dos até ago­ra, mas no que respei­ta aos motores uti­liza­dos, ela her­da os motores uti­liza­dos pela ante­ri­or estru­tu­ra durante o campe­ona­to.

Otmar Szaf­nauer é o novo respon­sáv­el máx­i­mo pela equipa e hoje, mais que qual­quer out­ro, deve sen­tir-se orgul­hoso da sua equipa quen na nos­sa opinião foi a estrela do GP Bel­gi­ca.

Stroll pode não ficar na Williams e Ocon não tem lugar garantido

 GP Belgica: Lance Stroll, Williams Racing at Formula One World Championship, Rd13, Belgian Grand Prix, Qualifying, Spa Francorchamps, Belgium, Saturday 25 August 2018. © Jerry Andre/Sutton Images
GP Bel­gi­ca: Lance Stroll, Williams Rac­ing at For­mu­la One World Cham­pi­onship, Rd13, Bel­gian Grand Prix, Qual­i­fy­ing, Spa Fran­cor­champs, Bel­gium, Sat­ur­day 25 August 2018. © Jer­ry Andre/Sutton Images

Enquan­to Lance Stroll afir­ma que a sua per­manên­cia na Williams não está garan­ti­da até ao final da época, Este­ban Ocon corre o risco de não ter lugar para a época de 2019.

O cana­di­ano disse estar foca­do no seu tra­bal­ho na equipa ingle­sa, mas com a aquisição da Force India pelo con­sór­cio lid­er­a­do pelo pai, fica a dúvi­da de quan­to tem­po restará até que o con­vite seja endereça­do ao cana­di­ano.

Este­ban Ocon pode, com isto, estar em maus lençois, pois se Stroll sair da Williams para a Force India, ele fica sem lugar disponív­el e corre o risco de não ter acen­to na F1 para a época de 2019.

GP Belgica: Esteban Ocon, Racing Point Force India F1 Team at Formula One World Championship, Rd13, Belgian Grand Prix, Qualifying, Spa Francorchamps, Belgium, Saturday 25 August 2018. © Jerry Andre/Sutton Images
GP Bel­gi­ca: Este­ban Ocon, Rac­ing Point Force India F1 Team at For­mu­la One World Cham­pi­onship, Rd13, Bel­gian Grand Prix, Qual­i­fy­ing, Spa Fran­cor­champs, Bel­gium, Sat­ur­day 25 August 2018. © Jer­ry Andre/Sutton Images

Sebas­t­ian Vet­tel e Lewis Hamil­ton já vier­am em defe­sa do francês. Ambos o con­cider­am um pilo­to de excelên­cia e não com­preen­dem como um pilo­to como Ocon pode não ter lugar na F1. Hamil­ton con­sid­era infe­liz que um pilo­to com mel­hores qual­i­fi­cações pos­sa ser ultra­pas­sa­do por out­ro com mais din­heiro. O inglês põe o dedo na fri­da e aler­ta para a pos­si­bil­i­dade de a dis­tribuição de fun­dos não estar a ser fei­ta da for­ma mais acer­ta­da.

A F1 é a cat­e­go­ria maior do desporto automóv­el. Nela devem cor­rer os mel­hores pilo­tos, os mais aptos e não os mais ricos.

A história não nos é estran­ha… lem­bre-se que Fil­ipe Albu­querque, após ter cumpri­do com todas as exigên­cias da Red Bull para que podesse ingres­sar na For­mu­la 1, foi preteri­do por um cole­ga com maior poten­cial finan­ceiro.

Mais sobre a Rac­ing Point Force India

Mais sobre o GP Bel­gi­ca na web: Motorsports.com, F1PT, F1-Ofi­cial Web Site

Similar Posts: