Você está aqui

Formula E, Audi faz História.

Adver­tise­ments
RSS
GOOGLE
https://jlpress.com/pt/artigo/formula-e--faz-his­to­ria-16556/
YouTube
INSTAGRAM
SOCIALICON
Daniel Abt (GER), Audi Sport ABT Schaeffler, Audi e-tron FE04.
(GER), , e-tron FE04.

A começou a época de 2017/2018 na Fór­mu­la E da pior for­ma. chegou a vencer a 2ª cor­ri­da de Hong Kong, mas foi desclas­si­fi­ca­do por uma irreg­u­lar­i­dade nos rótu­los de algu­ma peças do seu car­ro. Lucas Di Gras­si, por seu turno, só con­seguiu começar a pon­tu­ar na 5º cor­ri­da do campe­ona­to, o que para quem defende o tit­u­lo de Campeão do Mun­do é, no mín­i­mo, desas­troso.

A mar­ca ger­mâni­ca que esta época ini­ciou a sua par­tic­i­pação ofi­cial como equipa na , pôs mãos à obra e, nes­ta segun­da parte do campe­ona­to tem esta­do bem difer­ente. Di Gras­si já soma qua­tro segun­dos lugares con­sec­u­tivos e a equipa real­i­zou em algo que até então ninguém tin­ha con­segui­do: O pleno dos pon­tos disponíveis.

Na , os pon­tos disponíveis estão dis­tribuí­dos pela clas­si­fi­cação na cor­ri­da, aos quais se podem somar ain­da 3 pon­tos pela con­quista da pole e 1 pon­to pela vol­ta mais ráp­i­da.

(GER), , e-tron FE04, wins the Berlin ePrix.

No últi­mo ePrix, em , fez o máx­i­mo que podia. Gan­hou a cor­ri­da, fez a pole e somou a vol­ta mais ráp­i­da, num total de 25+3+1=29 pon­tos. Lucas Di Gras­si ficou em segun­do, con­cretizan­do a primeira dobrad­in­ha de sem­pre da mar­ca e jun­tan­do mais 18 pon­tos, num total de 47 pon­tos.

A primeira equipa a obter uma dobrad­in­ha na história da , foi a , no ePrix do em . Na altura gan­hou e fez a pole, ten­do André Lot­ter­er ocu­pa­do a segun­da posição. Porém escapou à equipa a real­iza­ção da vol­ta mais ráp­i­da que ficou nas mãos de da DS Vir­gin.

Com estes resul­ta­dos a Já con­seguiu chegar ao segun­do lugar dos con­stru­tores com 161 pon­tos e a ape­nas 44 da quan­do fal­tam três cor­ri­das para o tér­mi­no do campe­ona­to (uma em Zurique e duas em Nova Iorque).

A mar­ca chi­ne­sa, ape­sar de líder, tem que começar a faz­er con­tas e, mais do que nun­ca, pre­cisa de con­tar com os seus dois pilo­tos. O mes­mo é diz­er que está na altura de André Lot­ter­er mostrar o que vale. O pilo­to bel­ga já con­seguiu um segun­do e um ter­ceiro lugar, mas até à data, foram mais as vezes em que não somou pon­to algum dos que as que pon­tu­ou. Lot­ter­er é um exce­lente pilo­to, mas a não é exac­ta­mente o tipo de cor­ri­da a que esta­va habit­u­a­do e o bel­ga, tem tido algu­ma difi­cul­dade na gestão de ener­gia do seu car­ro. Um proces­so de adap­tação por o qual todos os pilo­tos pas­sam, mas que tem cas­ti­ga­do o pilo­to da .

Jean-Eric Vergne (FRA), TECHEETAH, Renault Z.E. 17.
(FRA), , Renault Z.E. 17.

As con­tas estão a favor da equipa chi­ne­sa; no lim­ite, podia ter­mi­nar duas das três cor­ri­da que fal­tam em 1º e uma em segun­do que, mes­mo que a arrecadasse os restantes pon­tos disponíveis, a ven­cia. este é um prognós­ti­co difí­cil para se faz­er, da for­ma como as coisas estão, mas é seguro que nada está deci­di­do.

Quan­to aos pilo­tos, o panora­ma é mais sim­páti­co para o lid­er . com 40 pon­tos de van­tagem sobre num total de 87 em dis­pu­ta, o francês pode estar mais tran­qui­lo. Dig­amos que o esforço necessário para que a equipa não per­ca o campe­ona­to, chega e sobra para que ele próprio se sagre campeão.

A afir­ma-se! Com campe­onatos dis­puta­dos até há últi­ma pro­va, com cor­ri­das reple­tas de ultra­pas­sagens, lutas e picar­dias entre os pilo­tos, em cir­cuitos citadi­nos muito próx­i­mos do públi­co, o espec­tácu­lo é garan­ti­do.

Na próx­i­ma época está garan­ti­da a entra­da da BMW como equipa ofi­cial, a Nis­san irá sub­sti­tuir a Renault e, na 6ª tem­po­ra­da, ingres­sam a Mer­cedes e a Porsche. Nomes de peso numa cat­e­go­ria que, sendo muito jovem, já dá muito nas vis­tas.

Lucas Di Grassi (BRA), Audi Sport ABT Schaeffler, Audi e-tron FE04.
Lucas Di Gras­si (BRA), , e-tron FE04.

Artigos relacionados

X